Para agendar sua consulta
entre em contato:
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Bem estar Psicológico

Entrevista cedida Site Abilio Diniz

Busca do bem estar pela simplicidade

Constatamos uma onda da busca pela simplicidade por pessoas que se sentem cansadas de serem bombardeadas por informações e demandas de interação pela tecnologia (acesso 24 horas pelo celular, participação em redes sociais, jogos, aplicativos diversos). Estão desligando os celulares à noite, procurando reduzir o uso dos computadores fora do trabalho e mesmo procurando passar fins de semana ou férias cada vez mais longe das grandes cidades.

Psicologo para bem estar psicologicoO stress tecnológico está gerando mudanças

Tudo começa com o prazer que a tecnologia oferece: acesso rápido às noticias, comunicação fácil com os amigos via redes sociais, jogos que prendem a atenção. Tudo isso oferece tanta gratificação que pode fazer com que as pessoas busquem cada vez mais tecnologia. Neste ponto inicia o risco de viciar em tecnologia, pois tudo o que promove prazer pode viciar (comida, jogo, drogas, etc). Caso a pessoa tenha consciência e perceba que está excedendo no uso da tecnologia começará a cortar seu uso. Nada mais saudável do que cortar o mal antes que prejudique mais ainda.

Outra forma seria usar a tecnologia de forma menos frenética, ou seja, o celular e o computador nos impele a fazer tudo muito rápido para fazermos mais coisas. No final corre-se o risco de fazermos muitas coisas mas tudo sem profundidade, não lemos uma noticia até o fim, não pensamos sobre um artigo e nem conseguimos fazer comparações com outros artigos lidos. Mas podemos nos auto-instruir, ou seja, combinarmos conosco mesmo que faremos as coisas com mais serenidade de forma a conseguirmos mais conteúdo com menos informação. Isso é simplicidade.

Buscar a simplicidade implica em mudar valores, princípios e prioridades.

Buscar a simplicidade implica num exercício de mudança de percepção. Este exercício é algo que pode proporcionar grande crescimento pessoal e pode ser aplicado em várias situações, por exemplo, quando acaba a energia elétrica em nossa casa ficamos desnorteados e percebemos que precisamos dela para comer (ligar o fogão ou microondas), para tomar banho (chuveiro), para nos distrairmos (TV). Mas se usarmos esta experiência de falta de energia para descobrimos outras formas de fazer as coisas como por exemplo, comer uma salada, tomar banho frio, e ler um livro ou conversar com a família, podemos descobrir um novo universo. Sem falar que este exercício é excelente para o cérebro, pois toda novidade pode renovar nossa capacidade de pensar. Quando nos consideramos dependente de alguma coisa podemos usar esta situação para mudar nossos padrões de pensamento e percebemos que ao sermos mais flexíveis e viver, pelo menos alguns dias na semana, sem tecnologia, teremos uma vida mais simples mas ainda assim muito mais rica.

Como simplificar a agenda sem prejuízos

No dia a dia, lidamos com muitas demandas profissionais, pessoais, familiares etc. Sabendo identificar o que realmente é prioridade. Curtir todas as fotos que cada amigo posta na rede social pode parecer muito importante quando se está sedento de conhecimento social. Quando confundimos as prioridades podemos estar sob influencia de angustias psicológicas. Identificar estas angustias pode ser importante para o processo de simplificar a vida. Por exemplo: uma pessoa que falta ao emprego para estar na festa de formatura do primo, ou a pessoa que deixa seu filho doente sem atendimento para ir ao trabalho. Estas pessoas estão errando na identificação doq eu seria prioridade. Talvez elas tenham questões emocionais que deturpam sua forma de analisar a importancia da família x trabalho. Identificar esta questões pode ser fundamental. Por exemplo, a pessoa que deixou seu filho doente sem atendimento só para não faltar ao trabalho pode ter tido uma infância com muita rejeição e com isso guarda dentro de si uma certa revolta que não o permite ser atencioso com quem mais ama.

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Como fazer as pessoas com quem convivemos entenderem, respeitarem ou, se quiserem, aderirem também a simplicidade

Não há como colocar ideias na cabeça de ninguém, mas você pode mostrar com seu exemplo tudo o que conseguiu de melhor com esta decisão pela simplicidade. Caso não dê certo e você precise de respeito, como por exemplo que não lhe imponham excesso de e-mails ou algo assim, pode-se aplicar o treino de assertividade onde você aprende a colocar de forma elegante, mas firme, o que gostaria das pessoas.

Marisa de Abreu Alves
Psicóloga
CRP 06/29493


psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP