Entre em contato
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.
Ou preencha o formulário abaixo

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Dependência química

 

Dependência é identificada quando se faz uso de drogas legais, ou ilegais, de forma a precisar de cada vez mais doses, ou doses mais fortes, para obter aquele “beneficio inicial”, ou seja, a pessoa não usa mais a droga para se sentir leve, bem, alegre, mas passa a usar a droga para evitar sintomas fisiológicos e psicológicos. Isto é a síndrome da abstinência. Ao se tirar a droga repentinamente de um viciado é possível que ele se sinta muito mal.

É por isso que recomendamos que o tratamento psicológico de dependência química deve se feito juntamente com o tratamento médico. O médico trata o organismo alterado e, o psicólogo trata a causa comportamental e emocional.

Psicologo para tratar dependencia quimicaAbuso de drogas x dependência química

Abuso de drogas e álcool é bem diferente de dependência de drogas e álcool. Dependência é quando seu corpo quimicamente, fisiologicamente precisa da droga para evitar os sintomas da abstinência do organismo. O abuso de droga ou álcool acontece quando a pessoa usa essa droga para reduzir ou eliminar uma emoção negativa que pode ser: ansiedade, medo, depressão, raiva ou o que for, se alguém bebe pra enfrentar a crise do pânico, para sair de casa e ir a uma festa, para conseguir conversar com alguém, tudo isso sem a muleta.

O abuso é um condicionamento de fuga, ou seja, primeiro a pessoa aprende que quando usa a droga ela se sente bem, leve, desinibido, até se sente mais bonito, e depois de algum tempo passa a usar a droga de forma a evitar as emoções negativas. Isto é a própria fuga, é quando a bebida alcoólica não tem mais função social, ou seja, você não bebe para desfrutar do sabor da bebida, para conversar com os amigos, ela passa a ser uma muleta para as situações onde a pessoa acredita que precisa de uma ajuda.

Abuso aprendido

O abuso de drogas pode ser inteiramente aprendido. As pessoas aprendem imitando alguns modelos. Os modelos podem ser os amigos, cinema, a TV, etc. Quem abusa da droga, muitas vezes apresenta transtornos emocionais como: personalidade anti-social antes de beber, não tem controle seus impulsos, fala ou faz o que lhe vem a cabeça, ansiedade generalizada, depressão e baixa intolerância a frustração. É muito freqüente que as pessoas abusem de drogas, e aqui me refiro à todos, tanto de as legais como as ilegais, mesmo as mais socialmente aceitas como álcool, maconha, fumo, passaram por uma série de eventos traumáticos em sua infância, as vezes abuso sexual ou físico.

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Tópicos curtos:

Dependência química e psicologia. Fatores emocionais podem ser deternimantes no abuso de substancias causadoras de dependencia. Psicólogos com especialização e experiência em dependência química.

Jovens podem ser mais expostos as ofertas de substancia que causam dependência quimica, conforme o local e cultura do grupo podem considerar que não há problema algum em usar certas substancias pelo simples fato de todo mundo a sua volta estar usando. São crenças como essas que deixam muitos pais preocupados com seus filhos assim que passam pela porta de casa.

Dependência química. Habilidades Sociais podem necessitar de novos "ajustes" pois é possível que haja influencia do meio social e seja importante aprender novas formas em lidar com amigos usuários de substancias que causam dependência.

Dependência química feminina. É possível acreditarmos que as mulheres sejam menos afetadas pelo uso de substancias causadoras de dependência. As opções podem ser diferentes das masculinas, as situações e motivos podem ter características proprias, mas claro que tudo isso pode variar muito conforme a época e grupo social e cultural na qual está inserida.

Dependência química. O tratamento pode ser realizado em consultório ou instituição com internação conforme a necessidade de cada caso. O profissional realizará uma avaliação para entender quando a internação se faz necessária e quando percebe que o atendimento em consultório poderá trazer resultados satisfatórios.

Dependência química. TCC - A terapia cognitiva comportamental é amplamente aplicada no tratamento da dependência química. Nesta equipe os psicólogos desta abordagem tem disponibilidade de atendimento das 8h00 as 21h00. Terapia Cognitiva Comportamental é uma das abordagens de trabalho que tem sido muito aplicada. Em nossa equipe de psicólogos podemos contar com profissionais aptos a avaliarem a indicação desta técnica para cada caso...

Dependência química física e psíquica. Tanto o organismo como o estado psicológico podem envolvidos na dependência química. Para uma avaliação podemos contar com profissionais experientes, pois um tratamento que não avaliar e considerar todas as possibilidades pode correr o risco de deixar para tras fatores importantes na manutenção do problema.

Dependente química x família. A família pode ser convidada, e alguns casos são de extrema importância para o tratamento principalmente no que se refere à adesão ao tratamento.

Dependente químico e família podem estar com laços rompidos ou relacionamentos abalados devido as consequências do uso de substancias causadoras de dependência. O psicólogo poderá trabalhar no sentido de tentar restabelecer estes laços tão importantes.

Dependência química Saúde Mental. Muitas vezes o psicólogo sendo o responsável pelo tratamento emocional e comportamental poderá obter ajuda de outras disciplinas.

Dependência química Sintomas comuns podem ser a busca incessante pelo componente pelo qual está dependente mesmo em horários e locais que percebe como inadequados, Para avaliar os sintomas de cada pessoa um profissional deverá ser procurado.

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Dependência química física e psicológica. Não só o corpo estará dependente como também a pessoa poderá estar emocionalmente dependente da substancia. Um psicólogo poderá avaliar casa caso em toda sua dinâmica.

Dependência química tem cura? Esta pergunta costuma ser feita pela pessoa que deseja a cura, ou seja, não mais apresentar dependência química. Talvez quem realize esta pergunta pode estar mais envolvido em seu tratamento. Esta é uma boa noticia, mas a superação da dependência terá uma série de fatores envolvidos.

Dependência química e trabalho. O ambiente de trabalho não está livre de envolvimento com substâncias que causam dependência. Colegas podem ser usuários, chefias podem aplicar punições trabalhistas, e empregos podem entrar em risco.

Dependência química e psicanálise. Esta abordagem também é amplamente aplicada nas dependências químicas. Você pode contar com um profissional nesta equipe.

psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP